google-site-verification: google5518efc0d93fea89.html
https://www.blogger.com/blogger.g?blogID=193955005097401183#pageelements

domingo, 22 de maio de 2011

Detalhes da Palestra "Equilibrando nossos Cérebros e as vantagens da Depressão"







Irei abordar temas interessantes para você usufruir dos resultados em sua vida.
Além da teoria, exercícios práticos para o seu dia-a-dia que tratarão o equilíbrio de seu cérebro, que o ajudarão nos processos mentais.

Não irei dizer que você deve conviver com a depressão, mas sim como aproveitar dos benefícios que ela pode te trazer, quando você se encontra neste estado (ou conhece alguém que está).

Você pode escolher um destes horários:
13h00
15h00
17h00

Instituto Do More - Av Paulista, 807, 18o andar
Metrô Brigadeiro / ao lado da Fnac
ou estacionamento conveniado na Alemada Campinas, 403

Inscrições pelo telefone: 11-9878-8818 - falar com Tânia das 9h00 às 18h00
ou 
através do email: lifelearningconsulting@gmail.com, aos cuidados de Verônica.



Investimento: R$ 30,00 + um quilo de alimento não perecível para doação à Assistência Fraterna São Francisco de Assis.

Participe !

Vai ser muito bom ter você por lá.

Abraços

Dora Machado

quinta-feira, 19 de maio de 2011

Se um homem quer você, nada pode mantê-lo longe (texto de Oprah Winfrey)

Se um homem quer você, nada pode mantê-lo longe.
Este texto é da Oprah Winfrey, apresentadora conceituadíssima dos Estados Unidos. 
Não preciso fazer considerações a respeito do texto, porque eu assino embaixo.
Leiam, e arrepiem-se também.


Se um homem quer você, nada pode mantê-lo longe;
Se ele não te quer, nada pode fazê-lo ficar.
Pare de dar desculpas (de arranjar justificativas) para um homem e seu comportamento.
Permita que sua intuição (ou espírito) te proteja das mágoas.
Pare de tentar se modificar para uma relação que não tem que acontecer.
Mais de vagar é melhor. Nunca dedique sua vida a um homem antes que você encontre um que realmente te faz feliz.
Se uma relação terminar porque o homem não te tratou como você merecia, “foda-se, mande ele pro inferno, esquece!”, vocês não podem “serem amigos”. 
Um amigo não destrataria o outro amigo. Não tente consertar o que não tem conserto.
Se você sente que ele está te enrolando, provavelmente é porque ele está mesmo. Não continue (a relação) porque você acha que “ele vai melhorar”.
Você vai se chatear daqui um ano por continuar a relação quando as coisas ainda não estiverem melhores.

A única pessoa que você pode controlar em uma relação é você mesma.

Evite homens que têm um monte de filhos, e de um monte de mulheres diferentes. Ele não casou com elas quando elas ficaram grávidas, então, porque ele te trataria diferente?
Sempre tenha seu próprio círculo de amizades, separadamente do dele.
Coloque limites no modo como um homem te trata. Se algo te irritar, faça um escândalo.
Nunca deixe um homem saber de tudo. Mais tarde ele usará isso contra você.
Você não pode mudar o comportamento de um homem. A mudança vem de dentro.
Nunca o deixe sentir que ele é mais importante que você... Mesmo se ele tiver um maior grau de escolaridade ou um emprego melhor.
Não o torne um semi-deus. Ele é um homem, nada além ou aquém disso.
Nunca deixe um homem definir quem você é.
Nunca pegue o homem de alguém emprestado. Se ele traiu alguém com você, ele te trairá.
Um homem vai te tratar do jeito que você permita que ele te trate. Todos os homens NÃO são cachorros.
Você não deve ser a única a fazer tudo… compromisso é uma via de mão dupla.
Você precisa de tempo para se cuidar entre as relações. Não há nada precioso quanto viajar. Veja as suas questões antes de um novo relacionamento.
Você nunca deve olhar para alguém sentindo que a pessoa irá te complementar.
Uma relação consiste de dois indivíduos completos, procure alguém que irá te completar com experiências... não suplementar.
Namorar é bacana. Mesmo se ele não for o esperado Sr. Correto. Faça-o sentir falta de você algumas vezes... Um homem sempre sabe que você está lá, e que você está sempre disponível para ele, ele se acha…
Nunca se mude para a casa da mãe dele.
Nunca seja cúmplice (ou co-assine qualquer documento) de um homem. (cama e escovas de dentes juntas, Conta Correntes separadas)
Não se comprometa completamente com um homem que não te dá tudo o que você precisa. Mantenha-o em seu radar, mas conheça outros…

Compartilhe isso com outras mulheres e homens. Você fará alguém sorrir, outros repensarem sobre as escolhas, e outras mulheres se prepararem.

O medo de ficar sozinha faz que várias mulheres permaneçam em relações que são abusivas e lesivas: (Dr. Phill)

Você deve saber que você é a melhor coisa que pode acontecer para alguém e se um homem te destrata, é ele que vai perder uma coisa boa.
Se ele ficou atraído por você à primeira vista, saiba que ele não foi o único.
Todos eles estão te olhando, então você tem várias opções.

Faça a escolha certa.
Eles são como vestidos na vitrine podem ser lindos, mas, você é que dá a palavra final. Se leva ou não... 
O vestido tem que ter várias qualidades do contrário, só ocupa espaço no armário... Impedindo outros melhores de chegarem até você.
Não guarde entulhos, só para dizer que tem...

O inesperado

Esta historia foi comigo mesmo (alias, incrivel como ainda nao aprendi a colocar acentos no Mac - ja deveria saber :-))

Normalmente o caro leitor sabe que escrevo historias. Historias (acho que sao estorias, nao historias, que se aplicariam 'a materia Historia) que encontro por ai. Que ouco por ai ou roubo mesmo.

Mas esta foi comigo.

Dia lindo. Ceu azul. 15 graus. Do jeito que eu gosto. Sentindo-se mais viva do que nunca, depois de atravessar uns 120 quilometros para chegar no local da reuniao com meu cliente. Interior de Sao Paulo.

Nossa previa estava agendada. Um falaria sobre uma coisa. O outro sobre outra coisa. E assim por diante, divindo-nos entre quatro pessoas.

Na vez da primeira pessoa, eu estava por perto do notebook e alguem me falou: vai Dora. E' com voce agora.

Tudo bem. Falar sobre o institucional da empresa nem e' novidade. Falar em ingles tambem nao e'.

Mas havia um significante probleminha: eu tinha acabado de colocar uma daquelas balas tipo "toffee"  na boca. Sabe aquelas bem gordinhas? Pois e... e totalmente sem tempo e sem condicoes de esconde-la em algum lugar.

A apresentacao foi boa? Acho que todos ja conheciam aquele contexto.

O meu contexto? Sou pro-ativa mesmo. Nao iria ficar longe do notebook naquele momento. Acho que da proxima vez e' so lembrar de nao colocar a bala na boca.

Beijos e Sorrisos


terça-feira, 17 de maio de 2011

Nossos Cérebros e as vantagens da depressao

Pessoas, nao percam.

Dia 16/jul tem palestra minha sobre este assunto que tem interessado a muitas pessoas.
Acompanhe.
Brevemente os detalhes para voce se inscrever.

Abracos

Dora Machado

sexta-feira, 6 de maio de 2011

Cara de Paisagem - crônica de meu livro "Crônicas para Sorrir"

Hoje dei uma palestra na Unip em SP.
Aqui vai uma homenagem ao público lindo e extremamente acolhedor que me recebeu com tanto carinho.
Falei sobre uma de minhas técnicas muito usadas: A cara de paisagem. Segue abaixo o texto de meu livro Crônicas para Sorrir. Boa leitura :-)
Beijos e Sorrisos
Dora Machado

Cara de Paisagem
    Quem me conhece um pouco, só um pouquinho, assim bem pouquinho mesmo, já deve ter ouvido este termo que roubei de minha amiga Ely: "cara de paisagem".
    Na vida a gente aprende, às vezes nem tanto, mas percebe que há muitas coisas que precisam ser irrelevantes, pra que outras possam valer a pena. Fazer cara de paisagem é algo bem útil em situações do cotidiano. Quem pratica yoga ou meditação, como eu, pode usar outras técnicas melhores, inclusive, mas que iria requerer aqui algumas mais do que dezenas de páginas pra exemplificar e exemplificar.
    Mas não! Cara de paisagem não requer meditações ou estados em alfa, requer apenas um certo sentido irônico e agradável pra poder sorrir das diversidades.
    Exemplo: se alguém te insulta verbalmente, ao invés de retrucar, ficar estressado revidando ou fazer cara feia (que aliás, só "envelhece"), faça cara de paisagem. Leve em consideração que o fato em questão é totalmente pequeno em relação aos momentos de prazer que você tem na vida, e faça cara de paisagem.
    Se ainda não entendeu, caro leitor (e aqui, que fique bem claro, o caro leitor refere-se a qualquer sexo, qualquer sexo mesmo de qualquer leitor), cara de paisagem não é um ato em si, mas sim um estado de espírito.
    A primeira vez que ouvi este termo de minha amiga e astróloga Ely, que alíás, tem seu blog publicado no meu, morri de rir. Mas não ria, caro leitor.
    A cara de paisagem não envelhece, muito pelo contrário: ela rejuvenesce.
    Já reparou quantas pessoas à sua volta prestam atenção em detalhes fúteis ou inúteis que não servem pra absolutamente nada, a não ser, criar encrenca com outras pessoas? Pois é... este estado de espírito que é fazer "cara de paisagem" pode ser intrínseco a qualquer ser humano. Basta você pensar que aquela pessoa a quem você não é tão bem quisto, pode "sim" tomar atitudes que propositalmente ou não possam te afetar. Neste caso, ao invés de perturbar-se com tão pequeno fato (às vezes nem tanto), faça cara de paisagem.
    Como? Respire fundo, conte até três (no mínimo), relaxe as mandíbulas, segure a respiração e solte. Depois disto, ao invés de responder ao provável insulto com outro insulto (de tamanho igual ou não), faça a tal cara de paisagem.
    Por isto, caro leitor, a cara de paisagem é um estado de espírito.
    Talvez se você tem atualmente entre 15 e 25 anos ainda não possa entender isto. Coisa de adulto (risos).
    Mas certamente entenderá um dia.
    A vida é bela, já diz o filme italiano vencedor de oscar. Mesmo durante a batalha, precisamos superar e perceber o quanto é bela. E se desfazer dos pequenos detalhes que poderiam (mas cabe a você que não possam) atrapalhar.
    Implicar com detalhes? Deixe que o outro implique.
    Façamos cada um a sua parte. Por um mundo melhor. Por um estado de espírito muito melhor.
    Experimente.
    Dúvidas, entre no meu blog e comente. Eu te explico os detalhes"